Ontem, 29 de Novembro, em Vila Franca del Pènedes, o Conselho de Administração da Rede Europeia das Cidades do Vinho consagrou, pela primeira vez, a Cidade Europeia do Vinho.

Após análise de diversas candidaturas, a cidade consagrada foi Palmela.

Será uma oportunidade para Palmela e para os vinhos da Península de Setúbal se projectarem em contexto europeu, potenciando o desenvolvimento económico e a promoção a nível europeu da paisagem, gastronomia e património Vitivinícola desta região.

Esta distinção é o prolongamento do projecto Nacional da Associação de Municípios Portugueses do Vinho, Palmela, que em 2009 já tinha sido proclamada Cidade do Vinho, sucede a Viana do Castelo que no decorrer deste ano ostentou esta distinção.

O Município de Palmela, mantém o contínuo empenho na promoção vitivínicola na Península de Setúbal, sendo uma das principais entidades dinamizadoras da Rota dos Vinhos da Península de Setúbal, cuja sede é situada no largo de S. João desta cidade (na foto).