Três HombresO Cais da Estiva, no Porto, recebe na sexta-feira o veleiro ‘Três Hombres’, uma embarcação à vela, de comércio e transporte marítimo, que apresenta um projecto «orientador de uma economia sustentável e justa».

Uma embarcação à vela, de 32 metros e com uma tripulação de cinco velejadores profissionais e 10 estagiários, que atraca em Portugal pela primeira vez. A ideia é recolher produtos locais do Vale do Douro e levá-los numa viagem de ida e volta, transportando produtos entre a Europa à moda antiga.

Este veleiro, com dois mastros e velas latinas, estará aberto ao público no sábado, entre as 10:00 e as 17:00, estando prevista uma cerimónia de carga e descarga para a tarde desse dia.

«A embarcação vai levar azeite, amêndoas e vinhos típicos do Douro», salientou Pedro Jervell, responsável pela SKREI, acrescentando que o ‘Tres Hombres’ é uma transportadora de mercadorias, mas também compra e vende produtos e funciona como navio-escola.

O jovem do Porto salientou que os «mercadores vão a países comprar produtos que lhes interessam, com valor cultural, para os vender depois noutros países», sendo que neste projecto de transporte à vela «a abordagem que é feita ao conceito tempo e horas é similar à desenvolvida nas empresas envolvidas».

«Sendo um barco à vela demora naturalmente mais tempo a chegar ao destino, mas o que interessa é viver mais a consequência do tempo», disse, acrescentando que a ideia é viver cada momento, sem stress, contrariando a lógica do dia-a-dia actual.

 

Ler mais: Sol